26 August, 2007

amarcord

"sonho que se sonha só é só um sonho,

sonho que se sonha com o outro é realidade."






+ todo o direito de ser contraditório. =
uma sugestão, uma abordagem menos adequada, o certo incerto.
os pés livres, as unhas pintadas... oconcur.
quando disseram que haveriam duas luas no céu... eu quase acreditei! desconfiei antes.
vez em vezes, esqueço o quanto escrever me faz bem... mesmo que nada faça sentido, mesmo que não haja concordância alguma, mesmo que apenas seja um fluxo (exacerbado) de consciência.... bla bla bla...
é o subconsciente derramado!
e a esponja que não enxuga.
only my hat, my bag empty.
quase um drama almodovariano, colorido, um amarelo manga, um grito callo... frida!
olha: um zepelim, um gato gorgeous...
chuáááaáááááaáááááá um banho de sal grosso.

2 Comments:

Anonymous Tortuga said...

Esses pezinhos têm lhe dado inspiração... não é?!
São seus!!!!!!!!

Vamos sonhar nossa realidade?!!?
:*

6:16 PM  
Anonymous Anonymous said...

verborreia seria um nome mais apropriado, vou sugerir para a vizinha, pra ela por na filha...
não sei onde perdeu o encanto, mas ache!
se escrever faz bem, pra que sentidos? suas palavras são repletas de sentidos suprimidos, inrustidos
não fazem sentido? pra mim sim, acredito que não seja o mesmo para todos, mas q te importa? coma torta!
lembre-se apenas de uma frase, leve-a contigo, transmita-a...
ela te fará sentir bem quando mais precisar e será sempre um bom concelho para os que sofrem!

puts... foi mal esqueci a frase...
enfim vou perguntar pra parede branca!

ass:blé...
duvido q vc adivinhe

8:22 PM  

Post a Comment

<< Home